18.7.05

SEMINÁRIO TEOLÓGICO BAPTISTA GRADUOU MAIS 5 OBREIROS EM DIA DE CELEBRAÇÃO DOS 35 ANOS DE MINISTÉRIO





O culto de encerramento do ano lectivo da nossa Escola de Teologia, no passado dia 18 de Junho de 2005, foi, mais uma vez, um grande acontecimento na vida da nossa denominação. É que o Seminário quis terminar o conjunto de eventos que assinalaram os 35 anos de ministério de formação de líderes, com um momento muito especial de comemoração.

O Culto de Acção de Graças foi precedido por um almoço convívio na cave das instalações da Igreja Baptista de Queluz, que reuniu 75 pessoas gratas a Deus pela sua experiência de envolvimento directo ou indirecto com o Seminário Baptista. Ouviram-se histórias desconhecidas e foram renovadas algumas memórias sobre o que foram os primeiros anos de vida desta Escola, naquele mesmo edifício em Queluz. Ali estavam 4 dos primeiros alunos nos anos idos de 1969, a saber: Alberto Velosa, Abel Pego, Jorge Leal e Emídio Francisco.

Uma boa parte da família Baptista juntar-se-ia ao grupo de ex-alunos para manifestar a sua muita gratidão ao Deus Altíssimo, pela forma maravilhosa como Ele nos tem abençoado ao longo dos 35 anos como instituição teológica dos baptistas portugueses. Com acção de graças, deu-se assim o necessário relevo à causa da educação teológica no seio da nossa Convenção e houve também oportunidade para reflectirmos juntos sobre os grandes desafios do ministério cristão.

A evocação do ministério de formação de líderes que a nossa Escola desenvolve há quase quatro décadas, com altíssimos benefícios para a causa do Evangelho em Portugal e no mundo, foi muitas vezes vivida com comoção. Ex-alunos, que hoje são obreiros fiéis ao serviço da causa do Mestre, deram emocionado testemunho da importância da nossa escola. Registou-se também, com alegria, que a grande maioria dos líderes actuais dos mais diversos sectores de actividade da Convenção Baptista Portuguesa, foram formados pela escola da denominação, incluindo o Director actual da mesma bem como o Presidente da Direcção da CBP, o Pr. António Miguel Pires.

O orador convidado, um ex-aluno participante da primeira turma de 1969, o Pr. Jorge Cardoso Leal, usou então da palavra para relevar a importância da chamada divina para o santo ministério da Palavra. Depois de muitos anos de ministério pastoral, o Pr. Jorge Leal afirmou que continua a apreciar sobremaneira que o conheçam como Pastor e encorajou os presentes a ouvirem a Deus porque Ele continua a desafiar pessoas limitadas para uma obra excelente.

Pensando no futuro, houve tempo também para a apresentação do novo logótipo da nossa escola que é fruto da criatividade de um jovem da Igreja Baptista de Viseu, Luís Ribeiro, o qual recebeu um prémio oferecido pelo Seminário e pelo Acampamento Baptista.

A alegria foi grande quando se procedeu à entrega de diplomas a cinco alunos finalistas dos cursos Básico de Estudos Bíblicos, Bacharel em Teologia e Licenciatura em Teologia. Os alunos que viram os seus cursos terminados foram os irmãos António Lucas da Primeira Igreja Baptista de Penafiel, Pedro Paulo Alfonso, da Igreja Baptista de Leiria, José Seleiro Gonçalves da Igreja Baptista do Murtal, Evaristo Vieira, da Igreja Baptista da Amadora e, Ismael Couto da Igreja Baptista de Queluz.

No dia 24 de Setembro de 2005, às 16h, no templo da III Igreja Baptista de Lisboa, tudo recomeça. São já 12 os candidatos a alunos que sentem Deus a conduzir as suas vidas para o ministério cristão. Esse ministério é exigente e carece de um bom preparo teológico e ministerial. Os 35 anos de vida do Seminário constituem um rico património de fidelidade à Palavra. Apesar de constrangimentos múltiplos, o futuro do Seminário é promissor, assim Deus nos ajude.

Agradecemos muito a Deus e a todas as nossas Igrejas, a possibilidade de continuarmos a obra iniciada e continuada por homens como Lester Bell, Grayson Tennisson, Manuel Alexandre Jr, Daniel Machado e Glenn Watson. As preciosas orações feitas pelo povo de Deus a favor do nosso Seminário e por quantos nele trabalham, assegurarão, como desde o primeiro dia e até que Cristo volte, a continuidade do ministério de formação de líderes, sempre radicados no compromisso de fidelidade à santa Palavra de Deus.

Pr. Paulo Carlos Pascoal
Director do STB

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial